Brasil: 64% das empresas não investem em inovação

Os dados são da Pesquisa de Inovação (Pintec) 2014 apresentada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). De acordo com o levantamento, apenas 36% das empresas brasileiras inovam e apenas 2,4% delas inovam para o mercado mundial.

inovacao-brasil-futurecom

Segundo o secretário de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação o MCTIC, Alvaro Prata, a maioria das empresas que inovam contam com algum subsídio do governo para tal, o que pode ser um norte para indicar como fomentar a inovação nas empresas que ainda não inovam.

 Investimentos

Os dados recolhidos ainda indicaram que, no ano de 2014, as empresas inovadoras investiram R$ 81,5 bilhões em atividades inovativas, o que representou 2,54% da receita líquida anual de tais empresas. Na indústria, por exemplo, o total investido na área foi de 2,12% da receita líquida, o menor índice já registrado no segmento.

Na contrapartida dos dados desanimadores, estima-se que o número de empresas inovadoras beneficiadas pelos incentivos do governo federal, como a Lei do Bem, cresceu de 34,2% no período 2009–2011 para 40,4% no triênio 2012–2014. Os dados são da mesa pesquisa.

Apesar do cenário apresentado pela pesquisa, aqui no Futurecom você pode ter contato com as empresas mais inovadoras do mercado. Todos os anos vários de nossos expositores mostram seu potencial de inovação em nosso congresso e também na feira que faz parte das atividades no evento. Participe conosco.

Por redação Futurecom.