Inovação: palavra foi destaque na participação dos expositores do Futurecom 2016

Durante o Futurecom 2016 você pode acompanhar em nossas redes sociais, aqui no blog e também na grande mídia, várias inovações que os nossos expositores trouxeram para o evento – assim como acontece todos anos. No entanto, dessa vez percebemos uma variedade de tecnologias e soluções que impactarão positivamente o consumidor final. Sim, o público geral, e não apenas as empresas.

Então, pensando em manter você sempre informado sobre todas as novidades do mercado de TI, telecom e internet, hoje produzimos um resumão sobre o que aconteceu pelos corredores da exposição do Futurecom 2016. Acompanhe conosco.

inovacao-tecnologica-futurecom

Tecnologia de reconhecimento facial

A NEC, por exemplo, trouxe em seu stand uma novidade para otimizar o dia a dia das instituições financeiras e, consequentemente, dos usuários. Trata-se de uma solução de reconhecimento facial. Em linhas gerais, as pessoas terão um cadastro na instituição que disponibilizará a alternativa e isso garantirá que ela debite valores de sua conta corrente a partir de um reconhecimento da face, mais ou menos como ocorre hoje com as digitais.

Wearable

Seguindo a linha de funcionalidades para as pessoas, a NTT Group apresentou uma solução em healthcare: uma camiseta com sensor de movimento que é capaz de permitir que o usuário monitore seus dados a partir de uma conexão com o smartphone. Incrível, não?

IoT sempre presente

Você já deve ter percebido que internet das coisas é um dos temas mais presentes em nossos conteúdos e eventos, não é mesmo? E dessa vez não foi diferente. Mais uma vez a Qualcomm expôs algumas das soluções para carros conectados. Entre as principais delas estavam as possibilidades que um assistente de direção permite como, por exemplo, interligar um sistema de câmeras e um sistema inteligente de informações que colabora para que o motorista previna acidentes e multas.

Etiqueta aberta

Para o varejo, uma das soluções mais interessantes do evento foi a etiqueta apresentada pela PromonLogicals. O dispositivo inteligente permite que o consumidor final tenha acesso a todos os dados do produto que está comprando, o que vai totalmente de encontro com as novas tendências de consumo consciente e processo sustentável para a produção de moda.

Para encerrar: 5G

A Ericsson e a Claro viabilizaram um momento inédito até então no país: o primeiro teste 5G.  O sistema protótipo, que chega a um throughput de aproximadamente 5Gbps (média de 4,5 Gbps), opera na faixa de frequência de 15GHz, ocupando 4 portadoras de 100 MHz, com agregação de portadoras (carrier aggregation), totalizando 400Mhz de banda ( 14,7 GHz a 15,1 GHz), faixa utilizada atualmente no Brasil para micro-ondas (Rádios Ponto a Ponto).

A partir do próximo texto aqui no blog você poderá conferir os detalhes de cada uma dessas novidades que o Futurecom 2016 apresentou em sua exposição. Não perca.

Por redação Futurecom.